Nossa História

Já são quase oito anos de muito companheirismo, alegrias e momentos especiais compartilhados! E tudo começou em março de 2007, quando os dois, calouros do curso de Biologia na UnB, estavam à espera da primeira aula do semestre no subsolo do ICC sul. Todos os alunos na porta da sala, ninguém se conhecia, aquela timidez generalizada, até que o Diego resolve quebrar o silêncio: "Menina, você está da cor da parede de tijolinho vermelho aí atrás". Pronto, foi suficiente para quebrar o gelo da turma e para deixar a Aline mais vermelha ainda... A partir dali, foram muitas conversas nas salas de aula, muitas partidas de truco nas longas "janelas" entre uma aula e outra, muitas monitorias de anatomia juntos e muita torcida à beira da quadra enquanto rolava a pelada depois das aulas de Cálculo. E assim, dois meses depois, na famosa festa Biovinil, o Diego pediu a Aline em namoro. E qual foi a resposta? "Lógico... que não!". A Aline já estava com passagem comprada para passar uns tempos na China, a quase 20.000km de distância e não queria começar um namoro naquela altura. Mas Diego, encantador e charmoso como sempre, a convenceu que era melhor compartilhar aquele pouco tempo juntos do que nunca vivê-lo. E assim foram quase três maravilhosos meses de namoro. Mas tempos difíceis vieram...

 

Imagem Sobre

... com mais de um ano e meio de separação. O namoro acabou e a Aline passou uma temporada em terras chinesas, enquanto o Diego continuava o curso de Biologia na UnB. Mas, como diz o velho ditado, “O que tiver de ser será” e quando a Aline voltou ao Brasil para continuar a graduação, em março de 2009, a reaproximação começou. Foram mais seis meses de altos e baixos, brigas e reconciliações e até que, em setembro de 2009, durante o Congresso de Genética em Águas de Lindóia (SP), um novo pedido de namoro foi feito. E desta vez o “sim” foi imediato! E a partir daí foram quase oito anos juntos, de muitas alegrias, risadas, viagens, estudos, trabalho, passeios, filmes, shows, cervejas especiais, mais viagens, ligações intermináveis, apelidos, carinho, jantares, tardes de preguiça, alguns desentendimentos, mensagens e mais mensagens, planejamentos, sonhos... enfim, quase oito anos que nos fizeram ter certeza, pouco a pouco, do quanto nos amávamos e queríamos compartilhar a vida juntos. Assim, em março de 2016, mais um pedido foi feito. Acompanhado de lindas palavras do, a partir de então, noivo e de um agradável passeio noturno à beira do lago Paranoá, veio um belo pedido de casamento! E com ele, a concretização dos sonhos que vínhamos tendo há algum tempo e o início de um novo capítulo na nossa história a dois.